"A verdadeira poesia não diz nada, apenas destaca as possibilidades. Abre todas as portas. As pessoas podem atravessar aquela que se lhes ajusta." Jim Morrison

Metamorfose ambulante

Sozinho
As idéias vão se perdendo
Fica difícil se concentrar
Os momentos vão passando muito rápido
Tudo e o nada ficam muito próximos
Em um momento, tudo pode dar certo
Em outro, nada faz sentido
Alguma coisa mudou
Alguma coisa o atingiu
Ele fica procurando
Caçando
No silêncio
No barulho
E sua resposta não aparece
Ele está solto
Perdido
Buscando um elo
Sem tema
Sem sentido
Seus textos vêm e vão
Ele não consegue pega-los
Em um minuto ele é uma maquina
Em outro ele está sentado em meio a multidão
Sozinho!
O tempo já não passa
‘Ele’ começa a sumir
Algo toma o Seu lugar
Piadas surgem
Lagrimas aparecem
Alegrias
Tristezas
Tudo se mistura
Tudo muda
Nada mais o preocupa
Tudo o preocupa
Ele apenas deixa acontecer
Ele deixa tudo mudar
Até se encontrar
Aos poucos
E nada mais
Apenas, deixando acontecer…

Pablo S Rosa

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s