"A verdadeira poesia não diz nada, apenas destaca as possibilidades. Abre todas as portas. As pessoas podem atravessar aquela que se lhes ajusta." Jim Morrison

Quando o verão voltar

Outra vez sentado

Outra vez incomodado

Algumas pessoas falando

Suas vozes estão distantes

Mas, ainda assim conseguem romper com o silencio

Ele está incomodado

A escuridão vai chegando ao fim

Vai chegando a hora

Hora em que Ele tem que ir embora

Hora em que Ele tem que voltar para as sombras

Hora em que Ele deve ir embora

Mas, não sem tentar sair

Mas, não sem falar nada!

A mudança é inevitável

A travessia deve ser feita

Ele precisa de um tempo

Um tempo longe de tudo

Um tempo longe de todos

Para poder se concentrar

Para poder pensar

E, por isso

Ele fecha os olhos

Sem prensar no amanha

Sem lembrar do passado

Sem se importar com o presente

Apenas fecha os olhos

Ele esta querendo voltar ao seu silencio

Voltar para o seu mundo

Pois, lentamente, a luz vai voltando

E Ele apenas aguarda

Tranquilo

Sem se preocupar

Ele apenas aguarda

De olhos fechados

Ele apenas espera!

 

Pablo S Rosa

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s