"A verdadeira poesia não diz nada, apenas destaca as possibilidades. Abre todas as portas. As pessoas podem atravessar aquela que se lhes ajusta." Jim Morrison

Não basta

A noite vem
A lua aparece
Nuvens se movimentam no céu
Sentado
Pois, já estou cansado de ficar em pé
No meio da multidão
Pois, cansei de ficar sozinho
Ouvindo musicas
Pois, o silêncio não é mais útil
Não adianta fingir que não posso vê-lo
Ele está ali
No seu canto
Caminhando entre as sombras
Pois, ainda existe muita luz
Não basta olhar para o outro lado
Não basta ignorar Sua presença
Pois, isto não O fará ir embora
Isto não O impedirá de tentar falar
Porque, Ele não liga em ser ignorado
Ele sempre tentará falar
Sempre aparecerá nas sombras
E sempre ficará me olhando
Mesmo que de longe
Mesmo que calado
Sempre me fará refletir
Sempre me fará buscar resposta
Preencher ausências
Encontrar pedaços que faltam
Pedaços que faltam Nele
Ou pedaços que faltem em mim
Porque, não basta fingir que tudo está completo
Não basta não aceita-Lo
Ele sempre voltará
Onde estiver uma sombra,
Ele estará!

Pablo S Rosa

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s