"A verdadeira poesia não diz nada, apenas destaca as possibilidades. Abre todas as portas. As pessoas podem atravessar aquela que se lhes ajusta." Jim Morrison

Ás de copas

Algo novo aparece

Algo O faz criar

Algo O faz mudar

Sem motivo aparente

Sem motivo certo

Algo vai surgindo dentro dele

E O impulsiona!

Isso o faz agarras a caneta

Olhar para o céu,

Ou para terra,

E ver que tudo parece diferente

E ver uma flor crescer no deserto

Ver um sol azul

Ver um pássaro andar quilômetros

Ver a lua tocar a terra

Ver árvores crescendo no ar!

As luzes ascendem

Libertando-O de Sua escuridão!

Tudo se modifica diante de Seus olhos

Ele não encontra explicação para nada disto

Mas, Ele sente algo novo

Algo diferente

Algo que Ele não é capaz de compreender

Algo que ninguém é capaz de compreender

Ele só sabe que é um grande sentimento!

 

 

Pablo S Rosa

 

Anúncios

3 Respostas

  1. Pablo Rosa

    Veja a introdução em: https://oexcluido.wordpress.com/2011/06/27/sequencia-de-ases/ (sequência de ases)

    E siga toda a sequência!

    28/06/2011 às 16:11

  2. Leonardo

    Esse foi bem feito Pablo , parabéns pelo Texto !

    29/06/2011 às 13:17

  3. Pablo Rosa

    Obrigado!

    29/06/2011 às 15:26

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s