"A verdadeira poesia não diz nada, apenas destaca as possibilidades. Abre todas as portas. As pessoas podem atravessar aquela que se lhes ajusta." Jim Morrison

Viajante

Viajando ao som dos passáros
Viajando contra o vento
Sem rumo, sem direção, só um desejo.
Na mala, um sorriso e um violão
Continuo minha viajem
Parando em cada esquina para encher o peito de alegria.
Andando pela vida
Olhando janela por janela
Olhando aquela lucidez tão louca
Olhando com os olhos de um poeta louco
Que contempla a vida com uma piada
Que brinca de escrever letrinhas
Enquanto foge da lucidez das janelas
Para a sua própria loucura (tão mais lucida)
E continua caminhando com um sorriso no rosto
Fazendo sua música
E andando pela vida
Enquanto muitos outros dormem (e não a vê passar)

Pablo SRosa

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s