"A verdadeira poesia não diz nada, apenas destaca as possibilidades. Abre todas as portas. As pessoas podem atravessar aquela que se lhes ajusta." Jim Morrison

Tum-tum

sentimentoEncontro-me mais uma vez na noite de meu quarto
Encontro-me mais uma vez admirando as paredes brancas
Encontro-me mais uma vez esperando o bom e velho sonho
Talvez esteja só cansado ou só esperando que as paredes mudem de cor

Encontro-me mais uma vez estagnado
Encontro-me mais uma vez em busca de um raciocínio
Encontro-me mais uma vez racionando para matar o tempo

Tum-tum; Tum-tum; Tum-tum
Que som perturba o silêncio da noite?
Que som perturba meus raciocínios?
Tum-tum; Tum-tum; Tum-tum

Tum-tum; Tum-tum; Tum-tum
De onde vem?
Tum-tum; Tum-tum; Tum-tum
O que será?
Tum-tum; Tum-tum; Tum-tum
O que significa?
Tum-tum; Tum-tum; Tum-tum
Por que me incomoda?

Tapo os ouvidos e volto a racionar
Volto a estar em meu quarto
Mas, o som, insiste em continuar
Tum-tum; Tum-tum; Tum-tum

Tum-tum; Tum-tum; Tum-tum
Que batida é essa que faz as paredes vibrarem
Tum-tum; Tum-tum; Tum-tum
Que batida é essa que insiste em acompanhar-me
Tum-tum; Tum-tum; Tum-tum
Que batida é essa que estica meus lábios e remove meu semblante racional?

Tum-tum; Tum-tum; Tum-tum
“Saia! fora de mim batida – Brado, em vão.
“Revele-se o barulho infernal,” Brado, também em vão

Tum-tum-tum; Tum-tum-tum; Tum-tum-Tum; Tum-tum-Tum-tum
Quanto mais brado, mais rápido ficam
TUM-TUM;TUM-TUM;TUM-TUM; TUM-TUM; TUM-TUM; TUM-TUM
Quanto mais raciono, mais altas ficam
Tum-tum; Tum-tum; Tum-tum; Tum-tum; Tum-tum; Tum-tum
Quanto mais tento esquecer, mais elas voltam

Tum-tum; Tum-tum; Tum-tum
Oh barulho, deixa-me em paz…
Tum-tum; Tum-tum; Tum-tum
Oh barulho deixa-me em paz, com meu quarto, minhas pare…
Tum-tum… tum-tum… minhas paredes que eram brancas, mas…
Tum-tum…tum-tum… agora, enquanto escuto as batidas…
Tum-tum…tum-tum…enquanto para de racionar…
tum-tum…minhas paredes são vermelhas… VERMELHAS!
tum-tum…TUM… E agora fazem formas, figuras
Tum-tum…tudo, tudo novo… tudo que eu nunca vi

Tum-tum… e continuam, atrapalhando meu raciocínio
Mas, aquecendo o meu quarto…
Tum-tum, pois cada vez que ouço essa batida eu sinto…
Tum-tum eu sorrio… e meu quarto deixa de estar vazio
tum-tum…toda vez que ouço essas batidas as paredes ganham cor
tum-tum… toda vez que ouço essas batidas… Tum-tum…
Não preciso de explicações, pois estou sorrindo
Mas, que batidas são essas?

 

Pablo S Rosa

Anúncios

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s